Princípios Básicos de Nutrição

Em vários estágios, a opala foi submetida a vários produtos: batatas, carne, açúcar, soja, milho – o que eles nos ensinaram a acreditar que eles levam à obesidade. Nutricionistas recomendam não excluir produtos, mas apenas reduzir suas porções. A regra de ouro da perda de peso constante é reduzir a entrada de calorias no fundo enquanto aumenta a atividade motora. Simplificando, o valor energético dos alimentos deve ser menor do que o consumo de energia. É limitado ao poder, vale a pena lembrar: a nutrição deve combinar uma quantidade ideal de proteína que, gorduras saudáveis ​​(nesta categoria podem incluir óleos vegetais , óleo de peixe), carboidratos complexos e vitaminas e minerais. Nutricionistas recomendam perder peso, prestando especial atenção às vitaminas e complexos minerais. O poder limitado não permite que o corpo seja completamente saturado com elementos valiosos, entre aqueles sem eles no trabalho normal dos órgãos e sistemas do corpo não podem sonhar.

Dieta para perda de peso

O enorme papel que os carboidratos desempenham na dieta. É impossível desistir completa e incondicionalmente. Nem todos os carboidratos nos trazem ameaças. Nutricionistas alertam contra o uso de açúcares “rápidos” – o corpo pode absorvê-los quase imediatamente, então a saturação não acontece. Dada a existência de sérias restrições à dieta calórica, os carboidratos não trazem alívio e são empurrados para os ferimentos do regime. Os carboidratos “lentos”, por outro lado, são digeridos por um longo tempo, isto é, completamente saturados por um longo período de tempo. Em média, apenas duas refeições com carboidratos por dia. Ele contém uma bateria em cereais (mordida melhor para limpar), bem como frutas e legumes. Útil a este respeito a partir de farinha de massa escura, batatas assadas, manteiga e sal , grãos integrais de pão e arroz, dentes, centeio ou fermento de pão de trigo sarraceno . Tais alimentos são usados ​​apropriadamente na primeira metade do dia – neste caso, eles não excitam o apetite à noite. Os alimentos no período da dieta devem conter produtos proteicos. Considera-se que a proteína é aplicada a todas as refeições principais e desde que o treinamento ativo e lanches sejam demais. As fontes de proteína são carne magra, aves e peixes, e berinjelas (cozidas ou omelete ) e produtos lácteos com baixo teor de gordura (incluindo queijos de baixa caloria – até 40 g por dia).