JUSTIFICATIVA MÉDICA PARA O AUMENTO DO PÊNIS

A medicina que responde à pergunta sobre a possibilidade de ampliar um membro pode sugerir várias maneiras: são opções de intervenção cirúrgica e o uso das possibilidades ocultas da estrutura do órgão sexual masculino. Os pré-requisitos para o aumento natural do pênis são estabelecidos pela própria natureza.A natureza e a estrutura do pênis permitem operações e manipulações com o corpo sem conseqüências críticas para a saúde do homem.

CAMINHO NATURAL

Membro e seu tamanho. O tamanho do pênis corresponde ao corpo esponjoso que circunda a uretra, incluindo a cabeça do pênis e os corpos cavernosos. Estes são o Corpo Cavernoso e o Corpus Spongisum. Essas áreas têm uma estrutura porosa e podem ser preenchidas e manter o sangue fluindo para elas.

Quando um membro está em estado de ereção – o corpo esponjoso e os corpos cavernosos estão cheios de sangue. Daí resulta que o tamanho depende do tamanho dos tecidos porosos, completamente preenchidos com sangue, no volume máximo de sangue que eles podem acomodar durante uma ereção.

Estudos especiais mostraram que os elementos porosos do pênis não são preenchidos por 75%. Tomando produtos naturais irá aumentar o corpo esponjoso (Corpora Cavernosa) do pênis e corpo cavernoso e (Corpus Spongisum).

Gradualmente, os tecidos porosos serão capazes de manter e manter uma quantidade crescente de sangue e, portanto, o termo se tornará mais tanto em comprimento quanto em largura. A circulação sanguínea no pênis e testículos irá melhorar, o que contribuirá para um aumento significativo na ereção e potência estável.

LIGAMENTOTOMIA

Quando o pênis é alongado, a parte oculta do pênis é liberada na forma de um ligamento de suporte do pênis (pendurado no ligamento do pênis). A tarefa de um cirurgião íntimo é atravessar esse ligamento e trazer sua parte interna para fora. Ao usar a tecnologia endoscópica, uma pequena incisão é feita no escroto, o ligamento é liberado sob o controle da óptica, e sua mobilização ocorre. Vestígios da operação permanecem.